h1

As locações de Evolution

fevereiro 1, 2009

Parte Final do Pressbook.

“DRAGONBALL: EVOLUTION” começou a produção na Cidade do México, onde uma privada, e ultra-moderna escola foi usada como o colégio de Goku. Mais de cem alunos foram usados como figurantes preenchendo as salas de aula, estacionamentos e corredores. Uma grande mansão privada, em uma área residencial exclusiva com elementos arquitetônicos asiáticos foi usada para a cena da festa. Uma área dentro dos limites da cidade se tornou Paozu City, onde Roshi vive em uma cabana em meio à gigantescos arranha-céus.

Após seis dias de filmagens na Cidade do México, a produção mudou-se para Durango, México, onde o resto das filmagens aconteceram. “Durango tem espetaculares locações ao ar livre, incluindo as altas montanhas, desertos e formações rochosas que nós estávamos procurando”, diz o produtor executivo Tim Van Rellim, que havia trabalhado em uma produção cinematográfica em Durango uma década antes. A produção transformou uma fábrica abandonada de jeans com um milhão de pés quadrados em uma unidade de produção com escritório, armazém, juntamente com um salão para os figurinos, palcos, dez acres e uma área ao ar livre, que foi usada para sets exteriores .

Formações rochosas em Mexiquillo se tornaram o secreto campo de treinamento de Toi San. Mais de 200 artistas maricias de Durango e seus instrutores foram recrutados e levados às remotas locações para uma grande cena de treinamento marcial. O elenco e equipe enfrentaram temperaturas extremas diariamente das frias manhãs abaixo de 0 graus celsius, às tardes quentes acima de 26 graus, e ocasionais tempestades de areia causadas pelas condições do vento. Mais tarde nas filmagens, os cineastas usaram um centro de recreações como a arena do Torneio Toi San. Mil figurantes preencheram a estrutura, para aplaudir e torcer.

O Parque Estadual Los Organos, com suas espetaculares formações rochosas que lembram os tubos de um órgão de Igreja, tornou-se o cenário e inspiração para a história do Templo do  Dragão. Gigantescas dunas de areia, denominadas “Las Dunas De Bilbao,” a norte de Durango, foram usadas para as cenas da viagem e o exterior de uma caverna no habitat de Yamcha

O mercado Toi San foi pensado a partir de uma instalação de armazenagem de grãos de 1800 que foi encontrada fora de Durango. Novos elementos arquitectónicos foram adicionados e, em seguida, reforçados pela decoração do set, misturando elementos do Oriente Médio e uma atmosfera de ‘mercado popular’.

Sets interiores foram construídos e instalados na fábrica de Jeans, incluindo o interior dos dois andares da cabana de Roshi, o interior de uma caverna de 20 pés de altura, o pátio do Templo Toi San e seus correspondentes interiores, a Câmera Gênesis de Lord Piccolo e seu dirigível, assim como os sets com tela verde.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: